Bem vindo(a) ao CEBI ! (51) 3568-2560

Os discípulos no caminho de Emaús

Os discípulos no caminho de Emaús
26 de março de 2018 Centro de Estudos Bíblicos
Confira a reflexão do evangelho para o próximo domingo, dia 01 de abril. A leitura é sobre Lucas 24.13-35, e o texto pertence a Mariane Noely Bail da Cruz.

De acordo com os Evangelhos, Jesus tem um jeito de ensinar voltado para a pessoa que aprende. Ele usa termos conhecidos pelas pessoas. Ele fala a partir da experiência de vida das pessoas. Percebe e ouve suas dúvidas e medos, valoriza as suas ações e suas vontades. O ensino acontece no dia-a-dia, no caminho, ao caminhar, através de diálogos.

A experiência dos discípulos no caminho de Emaús é uma conversa no contexto de uma viagem em conjunto. O momento é de perda e desapontamento em relação à esperança que tinham em seu mestre. Mas é justamente aí que Jesus escolhe entrar na conversa. Ele não se coloca no papel de um mestre que se considera superior, mas caminha ao lado dos discípulos.

O seu desejo era de participar da conversa e fazer com que os discípulos tomassem consciência de tudo o que foi profetizado e que estava acontecendo. Os discípulos quiseram permanecer mais tempo na sua presença e, assim, puderam reconhecê-lo através do repartir do pão, gesto que sempre repetia. Jesus não impõe a sua vontade aos seus seguidores, mas quer ser aceito de forma livre e verdadeira.

É esse aprendizado que possibilita um encontro vívido com o Senhor Ressuscitado. Todos os cristãos sabem algo desse encontro com Jesus e do poder de sua palavra “ardendo em nós”. Por isso os cristãos se dispõem a falar das coisas que viram e ouviram, de tudo que experimentaram a partir do momento em que sentiram Jesus presente em suas vidas. Assim, podem viver, aprender e, também, ensinar.

Fonte: Texto da Catequista Mariane Noely Bail da Cruz. IECLB – Rio Negrinho/SC, publicado no site luteranos.com.br.