Bem vindo(a) ao CEBI ! (51) 3568-2560

CEBI-MS e Faculdade Batista Ana Wollerman reúnem 204 pessoas em encontro

CEBI-MS e Faculdade Batista Ana Wollerman reúnem 204 pessoas em encontro
CEBI-MS e Faculdade Batista Ana Wollerman reúnem 204 pessoas em encontro
27 de setembro de 2011 Centro de Estudos Bíblicos

Bíblia e Ecologia foi o tema do Seminário. O assessor foi Frei Carlos Mesters. A atividade aconteceu nos dias 16 a 18 de setembro e foi promovida pelo CEBI-MS, em parceria com a Faculdade Batista Ana Wollerman, da cidade de Dourados/MS. O encontro contou com as presenças duzentas e quatro pessoas das várias cidades do Mato Grosso do Sul, participantes de diversas igrejas cristãs: Metodista, Presbiteriana Independente, Batista e Católica Romana.

A seguir, a descrição do encontro, de acordo com o relato da coordenação do CEBI-MS.

Um ambiente tranqüilo, mistura de cores, fonte de água, flores, perfumes, brisa, cheiro de gente, calor humano… era o que precisávamos para iniciar o encontro tão esperado. A pastora Lílian (Igreja Metodista) graciosamente abriu o seminário com um rico momento de louvor a Deus e também conduziu a liturgia durante o encontro. Ouvindo o som das águas, percebendo as plantas, os animais, este foi o convite de nosso primeiro e forte momento celebrativo. Um ambiente aconchegante que ajudou a garantir a tranqüilidade de todo o encontro, nos fez refletir, sonhar, caminhar: "Pois sabemos que a criação toda geme e sofre em dores de parto até o momento presente… e não é somente ela, mas também nós que possuímos os primeiros frutos do Espírito, esperando a adoção e a libertação de nosso corpo" (Rm 8,22-23). Na noite de sexta feira assistimos ao vídeo "As quatro ecologias" de Leonardo Boff, (ambiental, social, mental e integral), muito rico, fazendo-nos perceber a abrangência e o cuidado com o mundo. Falou-nos Frei Carlos que a ternura, o diálogo e a reunião são necessidades especiais de comportamento para os dias de hoje. O conteúdo abordado foi de uma riqueza que contagiou a todos os que estavam presentes.

A metodologia utilizada pelo assessor Frei Carlos Mesters inseriu a todos/as os/as presentes no pensamento da "Casa Habitada", principalmente no amor e na importância que a terra tem para todos nós. Caminhamos pela Bíblia olhando os textos que falam e rezam a natureza. A grande utopia do bem viver está expressa no mito do Paraíso Terrestre que aparece no começo e no fim da Bíblia, Gênesis e Apocalipse. Com os mitos nas narrativas da criação (Gn 1 e 2) percebemos que a única imagem de Deus é o ser humano, parecido com Deus. E que o caos, as trevas são mantidos fora da casa. Nos mitos os povos dizem quem são, e, conseqüentemente revelam sua história. Olhando, orando os Salmos percebemos a história do passado contado para lembrar as maravilhas de Deus, animar as pessoas, levá-los a conversão e agradecer.

Os Salmos são os lugares onde a água sai do chão e começa a correr sobre a terra. Os livros de Oséias, Isaias, Jeremias cantam o amor de Deus para com os eu povo. Com os textos dos Evangelhos, Frei Carlos mostrou-nos o relacionamento de Jesus com a natureza. "Olhai os lírios dos campos…" "os pássaros tem ninhos, mas o Filho do Homem não tem onde reclinar a cabeça" Olhando textos de Mateus conversamos: O que Jesus aprendeu sobre Deus olhando a natureza? Jesus conheceu Deus através da natureza e usava o que havia aprendido sobre a natureza para falar de Deus.

As horas passaram sem que percebêssemos, tal foi à integração que houve entre os todos os participantes e nos oportunizou um aprendizado que ficará incorporado em nós, visto a profundidade e a beleza do que aprendemos e vivenciamos durante o seminário.

 

 

Ainda por ocasião de sua visita a Dourados, Carlos Mesters esteve com liderenças indígenas Guarani-kaiowá. Leia a notícia.