Bem vindo(a) ao CEBI ! (51) 3568-2560

MANIFESTO FLD-COMIN-CAPA: FOME NUNCA MAIS!

MANIFESTO FLD-COMIN-CAPA: FOME NUNCA MAIS!
24 de outubro de 2020 Comunicação

16 de outubro – Dia Mundial da Alimentação
“Porque tive fome e me destes de comer”.  Mateus 25.35

O Brasil voltou a ser ameaçado por um cenário de fome crônica. O anúncio ocorreu cinco anos depois da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO) declarar que o Brasil não fazia mais parte do mapa mundial da fome. Segundo pesquisa recente divulgada pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), realizada entre junho de 2017  e julho de 2018,  a fome atingiu mais de 10 milhões de pessoas. A insegurança alimentar grave é ainda maior em famílias negras chefiadas por mulheres, na região nordeste. No meio rural, a fome ultrapassa os 7%. Esse cenário vai na contramão dos 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS – ONU), principalmente o ODS 2 que pretende acabar com todas as formas de fome e desnutrição, assegurando que todas as pessoas (especialmente as crianças) tenham acesso a alimentos suficientes e nutritivos durante todo o ano.

Porque tive fome e me destes de comer é anúncio de igualdade e amorosidade que se faz realidade através de políticas públicas que assegurem comida boa na mesa do povo, com justiça socioambiental e de gênero. Uma das ações de maior impacto foi o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA),  a maior política de redução da fome no Brasil. Contudo, no ano de 2013,  ela foi atacada pela operação Agro Fantasma, que criminalizou lideranças agricultoras por supostas fraudes e desvios. Mesmo com a absolvição das pessoas criminalizadas, o impacto no programa foi irreversível e os reflexos incidem na vida das pessoas mais vulneráveis.

Estamos diante de um Estado que não garante acesso universal à alimentação e não tem compromisso e compaixão com as dores e sofrimentos provocadas pela fome, que determinou a extinção do Conselho Nacional de Segurança Alimentar e Nutricional (CONSEA), no início de 2019.

A crise econômica, agravada pela pandemia do Covid 19, tornou os números da fome ainda mais alarmantes. O aumento do desemprego atingiu 13,7 milhões de pessoas. As medidas restritivas à distribuição da merenda escolar afetaram o que muitas vezes era a única alimentação das crianças e adolescentes. Soma-se a isso o aumento no valor dos produtos da cesta básica, entre eles o feijão e o arroz, que são a base alimentar das famílias brasileiras.

Na mesma direção, amplia-se a expansão do agronegócio sustentado pelo forte discurso falacioso que se anuncia como o maior “produtor de alimentos”. Essa é uma das inverdades mais difundidas por essa grande indústria que, na verdade, produz commodities, destrói, incendeia e mata a sociobiodiversidade brasileira produzindo alimento envenenado sem qualidade. A isenção de impostos sobre os agrotóxicos contribui para o envenenamento dos alimentos, da população brasileira, da terra e das nascentes. Continuamos no topo mundial do uso de agrotóxicos na agricultura.

A agricultura agroecológica é a base para a segurança alimentar e para a soberania do país. São necessárias políticas públicas que reforcem e qualifiquem a produção de alimentos e a agroecologia. É urgente fortalecer o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE), para que crianças e suas famílias recebam alimentos, retomar o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) como política social e de desenvolvimento transformador, para que famílias da agricultura familiar, assentadas e assentados da reforma agrária, comunidades kilombolas, comunidades indígenas, povos e comunidades tradicionais produzam alimentos e preservem os biomas.

Precisamos é de “comida boa na mesa”, comida de verdade, produzida pela agricultura familiar camponesa, de base agroecológica, sem violências, com justiça de gênero, com participação de juventudes, que promova o comércio justo e solidário,  respeite a diversidade alimentar e cultural de cada região, que preserve o meio ambiente e que proporcione saúde e vida digna. Comida boa é comida limpa, com qualidade nutricional, sem agrotóxicos e manipulação transgênica.
COMIDA BOA NA MESA é AGROECOLOGIA

 

Agroecologia em defesa da vida!

Liga228 situs judi bola merupakan situs judi bola online dengan pasaran terlengkap.

Kunjungi situs judi bola terlengkap dan terupdate seluruh asia.

Situs sbobet resmi terpercaya. Daftar situs slot online gacor resmi terbaik. Agen situs judi bola resmi terpercaya. Situs idn poker online resmi. Agen situs idn poker online resmi terpercaya. Situs idn poker terpercaya.

situs idn poker terbesar di Indonesia.

List website idn poker terbaik.

Game situs slot online resmi

slot hoki terpercaya

slot terbaru

rtp slot gacor

agen sbobet terpercaya