Bem vindo(a) ao CEBI ! (51) 3568-2560

Liturgia: O sonho de Luther King

Liturgia: O sonho de Luther King
4 de abril de 2018 CEBI Secretaria de Publicações
luther-king

4 de abril, quarta-feira
Salmo 118.1-2, 14-24; Cântico dos Cânticos 3.1-11; Marcos 16.1-8

Revendo a bibliografia do pastor batista, Martin Luther King, que é lembrado hoje em nossa liturgia diária, reencontramos um líder religioso que conduziu o seu povo, movido pela renovação da esperança da ressurreição, a sonhar com dias melhores, com um mundo mais humano, com justiça, igualdade e direitos respeitados.

Luther King é um exemplo para nós. Um exemplo de fé e engajamento social, que inspira a prática dos cristãos e cristãs de todos os tempos, principalmente na capacidade de sonhar e realizar movimentos significativos na vida das comunidades onde estão inseridos/as.

A ressurreição do Senhor nos condiz a essa capacidade de sonhar e de tentar realizar esses sonhos. O mundo precisa de uma igreja que sonhe com dias melhores para os pobres e marginalizados, vítimas da humilhação e da segregação racial. Precisamos de homens e mulheres, que inspirados na ressurreição do Senhor Jesus Cristo, sonhem e realizem atos concretos que tornem o mundo menos preconceituoso, violento e sem esperança.

Que Deus nos dê a capacidade de sonhar e vivenciar a mensagem da Páscoa em nosso cotidiano, inspirados/as nos homens e mulheres, que movidos pelo sonho de Deus, entregaram suas vidas para tornar o nosso mundo melhor.

Luther King, presente!

A pedra que os construtores rejeitaram veio a ser a mais importante de todas.
(Salmo 118.22)

Oremos por nossos mártires contemporâneos, que sonham juntos com o povo de Deus, com um mundo melhor e mais humano.

Fonte: Texto de Claudio Linhares, de Caruaru (PE). Publicado no livro de meditações diárias Compaixão e Justiça Social, produzido pela Igreja Episcopal do Brasil e Diocese Meridional.

Foto de capa: Martin Luther King durante a marcha de 1963 na capital de Washington. Licença WIKIMEDIA COMMONS.