Notícias

Manifestações por todo o Brasil seguem pedindo por ‘fora, Temer’

Manifestações por todo o Brasil seguem pedindo por 'fora
Além de São Paulo, que teve a quarta manifestação seguida duramente reprimida pela polícia, dezenas de cidades pelo país também protestaram contra o novo governo durante a tarde e a noite de ontem (1º). Os manifestantes pedem a saída do presidente Temer, a convocação de novas eleições e denunciam o golpe que depôs Dilma.

Em Porto Alegre, a manifestação começou na Esquina Democrática por volta das 18h e, após uma caminhada de duas horas em que ocorreram diversas depredações de bancos, lojas e carros, a Brigada Militar avançou em direção aos manifestantes com bombas de gás e balas de borracha, em perseguição que durou cerca de uma hora e meia.

Poa (Porto Alegre-RS)

A maior faixa carregada na frente da marcha constatava: "o golpe é misógino". Entoando "somos o povo e o Michel Temer nós vamos derrubar", além do já tradicional "fora, Temer" os manifestantes deram a volta no terminal Parobé e seguiram em direção ao túnel.

No Paraná, a polícia cercou os manifestantes e lançou bomba durante ato em frente a Gazeta do povo, mas o confronto foi evitado. Durante o ato um carro da RPC, filiada da Rede Globo, foi alvo de protestos e expulso da manifestação.

Além da capital, protestos também ocorreram em Londrina, segunda maior cidade do estado paranaense. Manifestantes marcharam pelas principais avenidas pedindo a saída de Temer. "Vem pra rua contra os golpistas", gritavam.

Campinas (Campinas-SP)

No interior de São Paulo, atos ocorreram novamente em Ribeirão Preto e Campinas, pelo segundo dia seguido. Em Minas Gerais, manifestações também ocorreram no interior do estado em Viçosa e Uberlândia e Juiz de Fora, com a adesão de milhares.

Viçosa (Viçosa-MG)

Em Belo Horizonte, ocorreram durante debate com candidatos à prefeitura em auditório da PUC. Outro ato lotou o Campus Pampulha da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

Na capital federal, manifestantes denunciaram o golpe durante exibição do filme Aquarius, no Cine Brasília.

No nordeste, os estudantes exerceram protagonismo nos protestos realizados nesta quinta-feira (1º). Em Salvador, estudantes da da Universidade do Estado da Bahia (UNEB) realizaram ato contra o "governo golpista", e foram duramente repreendido pela PM, terminando em prisões de participantes. Também ocorreram manifestações em Feira de Santana, no interior do estado.

João Pessoa (João Pessoa-PB)

Estudantes protestaram na Universidade Federal de Sergipe (UFS), em Aracaju, e também na avenida à frente do campus. Outra ato ocorreu na Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em João Pessoa, durante entrevista à TV Bandeirantes.

No Ceará, as manifestações contaram também com a participação de secundaristas, que fecharam o cruzamento da Avenida 3 de Maio com a Avenida da Universidade, na capital Fortaleza.

situs judi bola AgenCuan merupakan slot luar negeri yang sudah memiliki beberapa member aktif yang selalu bermain slot online 24 jam, hanya daftar slot gacor bisa dapatkan semua jenis taruhan online uang asli. idn poker slot pro thailand

Seu carrinho está vazio.

mersin eskort