Bem vindo(a) ao CEBI ! (51) 3568-2560

Reflexão do Evangelho: A proposta de Jesus frente à realidade

Reflexão do Evangelho: A proposta de Jesus frente à realidade
19 de novembro de 2020 Zwei Arts

Leia a reflexão sobre Mateus 25,31-46, texto de Günter Wolf.

Boa leitura!

Mateus 25,31 contrapõe Jesus ao patrão da parábola anterior. Lá o patrão é o juiz; aqui Jesus é o juiz. Lá o patrão (sistema) julga, e aqui Jesus julga com outros critérios e medidas e a partir de outras propostas. Jesus julga a partir das vítimas do sistema econômico escravagista. Jesus julga nações inteiras por sua prática com as medidas baseadas no amparo, na solidariedade, na resistência e em favor dos fracos.

Na parábola anterior, somente o patrão julga pela prática do sistema contra o fraco e contra quem resiste ao sistema. No texto anterior, somente os escravos são julgados a partir de sua prática de apoio ou não ao sistema. Aqui todos são julgados a partir de sua prática a favor ou contra as vítimas do sistema, inclusive Roma com seu sistema escravagista. Ninguém escapa da justiça divina. Os que ajudaram as vítimas do sistema são justos e terão a salvação (v. 46). O critério para nossa ação é dado pelos que sofrem e não por nós mesmos. São os fracos que dizem o que nós devemos fazer. É salvo quem atende o seu chamado, tem misericórdia e é solidário. Aqui, se parte da prática automática da fé (em favor dos fracos) como critério de salvação.

Critério para ser justo (vv. 35-36.40) é o atendimento às vítimas do sistema, e com isso se denuncia o próprio sistema.

Maldito é quem não atende e não vai ao encontro das vítimas do sistema. Abençoado, salvo é aquele que não entra no sistema e pratica a diaconia, o serviço. Aqui nem se fala explicitamente da fé. A ação de solidariedade e acolhida decorre automaticamente como gesto de misericórdia. “Misericórdia quero e não holocaustos” (Mt 9,13). No texto anterior, era maldito aquele que não entra no sistema; aqui é o contrário.

Denúncia do sistema: O sistema traz e produz:

  • Fome – expulsa da terra, não tem trabalho, cria sem-terra.
  • Sede – havia multidões de andarilhos, sem lar e terra, percorrendo o país na paisagem desértica da Palestina.
  • Nudez – pobre não tem roupa, só trapos.
  • Prisão – quem resiste ao sistema ou não pode pagar as dívidas vai preso ou tem que roubar para viver.
  • Doença – pobreza e miséria trazem a doença.
  • Forasteiros – muitos vão para o exílio ou escravidão romana por falta de pagamento de dívidas ou revoltas. Também há os que vão para a Palestina. Há uma migração intensa. Forasteiros e migrantes eram, em sua maioria, pessoas das primeiras comunidades cristãs. São os paroquianos.

Como nos relata Aristides, cidadão romano (não cristão) de 125 d.C., que escreve sobre os cristãos:

“Eles andam em humildade e bondade. Não existe falsidade entre eles. Amam uns aos outros. Ouve-se que, se alguém dentre eles é preso ou oprimido por causa do nome de seu Messias, todos providenciam para suas necessidades, e, quando possível de ser liberto, eles o libertam. E se há alguém dentre eles pobre e necessitado, jejuam dois ou três dias para supri-lo com o alimento de que precisa. Eles não desviam sua atenção das viúvas, e os órfãos eles libertam de quem os violenta”.

O texto expõe a prática exigida aos batizados das primeiras comunidades. Essa é a prática de fé dos batizados, que confere com as exigências do texto.

Quem vive segundo o sistema diz que isso (os famintos e os sedentos) é o preço do progresso. Jesus diz que isso é resultado do sistema econômico escravagista romano opressor.

Os vv. 37 e 44 perguntam: “Senhor, quando foi que te vimos…?”. Jesus deixa bem claro que ele é o faminto, a vítima do sistema. Ajudando as vítimas do sistema, estar-se-á combatendo o sistema em si, pois se terá que atacar as causas do sofrimento. Como acabar com a fome? Devolvendo as terras aos camponeses, que o Estado romano deu a seus aliados. Quem não se solidariza com as vítimas do sistema também não o combaterá. Isso tudo é feito de uma forma espontânea, que brota da prática da fé.

Jesus Cristo continua não sendo reconhecido como estando presente em meio às pessoas. Assim como os judeus não o reconheceram como o Messias, assim também a comunidade cristã tem dificuldade para reconhecê-lo nos massacrados pelo sistema. Mas há sempre um grupo que, mesmo não o reconhecendo nos pobres, acolhe-o por sua prática de fé solidária e revolucionária. Jesus nasceu, morreu e continua sendo pobre e continua sendo vítima do sistema – essa é a revelação. Nós precisamos optar de que lado queremos ficar: ao lado de Jesus corre-se o risco do sistema nos julgar, e a partir daí faremos parte dos massacrados e vamos necessitar de solidariedade e acolhida – tomai a vossa cruz e sigam-me!

O v. 46 fala do castigo eterno para os causadores do sofrimento e aqueles que o apoiam e fortalecem. Justo é o que ampara as vítimas do sistema e não se enquadra em sua dinâmica, que é excluir e produzir pobres. Ai daqueles que não se solidarizam com as vítimas do sistema e não lutam contra o mesmo, que cria essas vítimas.

A diferença no final é que, no texto anterior, o pobre vai para o castigo e o sofrimento. Aqui vai para o castigo quem apoia o sistema e não se solidariza com os pobres. A salvação é para quem acolhe as vítimas do sistema, aqueles que passam fome e não têm terra e trabalho.

Não têm terra e trabalho porque os romanos não obedecem ao mandado de Deus. Eles agem como deuses que se apossam da terra. Antes a terra era de Deus (Lv 25,23); agora é do Estado, que a dá a seus aliados.

Liga228 situs judi bola merupakan situs judi bola online dengan pasaran terlengkap.

Kunjungi situs judi bola terlengkap dan terupdate seluruh asia.

Situs sbobet resmi terpercaya. Daftar situs slot online gacor resmi terbaik. Agen situs judi bola resmi terpercaya. Situs idn poker online resmi. Agen situs idn poker online resmi terpercaya. Situs idn poker terpercaya.

situs idn poker terbesar di Indonesia.

List website idn poker terbaik.

Game situs slot online resmi

slot hoki terpercaya

slot terbaru

rtp slot gacor

agen sbobet terpercaya

slot online judi bola terpercaya slot online terpercaya judi bola prediksi parlay hari ini