Bem vindo(a) ao CEBI ! (51) 3568-2560

Páscoa – Passagem – Ressurreição – Paulo Ueti

Páscoa – Passagem – Ressurreição - Paulo Ueti
Páscoa – Passagem – Ressurreição – Paulo Ueti
14 de abril de 2014 Centro de Estudos Bíblicos

Paulo Ueti é colaborador do CEBI. É organizador dos livros A terapêutica de Jesus – corpo, poder e fé e A vida é o que interessa: Bíblia Saúde e outros ingredientes

 

1.  A partir do silêncio (e se for à noite, do escuro): "Acende esse fogo que não apaga não, que não apaga não em nossa escuridão; acende esse fogo que não apaga não, que não apaga não, em nossa escuridão!" (Taizé)

2. Saudação: Deus fez os corpos. Pelo poder de sua palavra o corpo nasceu (a natureza e a humanidade). Pelo seu amor encarnou-se num corpo. Por seu amor curou corpos e anunciou a integridade do corpo, alma e espírito. Testemunhou a misericórdia incondicional e denunciou as forças da morte na religião e na vida. Do medo da morte e do abandono gritou "Meu Deus, meu Deus, por que me abandonaste?". Do útero de Deus escutamos a vida vencer. Ressuscitou! Ressuscitamos!

3. Litania de entrada:   

Antes de iniciar, com uma vela acesa passando a cada uma/um, dizer o que traz de morte e ressurreição para celebrar. Ao terminar inicia-se:

D: Amigo e compassivo Deus, aqui estamos para compartilhar a vida que segue teu caminho mesmo nas trevas e vales da morte.

C: Acolhe-nos Senhor e nos acompanha no caminho da justiça e da integridade da criação.

D: Amigo e compassivo Deus, criaste o mundo como expressão de teu amor incondicional e, mesmo sabendo de nossos pecados e nossa tendência para o desvio, continuas concedendo tua graça e teu poder de amor e compromisso.

C: Acolhe-nos Senhor e nos ajuda a perceber essa graça transformadora e profética nos movimentos em defesa da vida do planeta e da beleza da humanidade.

D: Amigo e compassivo Deus, presente na história de liberdade e libertação em nossa sociedade, igrejas e movimentos, reconhecemos que tu és presença fortalecedora de nossos esforços pela continuação da vida.

C: Acolhe-nos Senhor. Reconhecemos tua presença no ar que respiramos e nas conspirações em que nos envolvemos movidas/os pela força de tua ressurreição, onde a morte e o pecado não têm mais poder.

Todas/os: Amigo e compassivo Deus, força revitalizadora de toda a criação, aqui estamos para te louvar e fazer de tua presença uma onda transformadora de tudo.  

Distribuir para todas as pessoas fitas coloridas com mais ou menos 15 cm cada uma. Será usada depois da leitura do Evangelho.

4. Kyrie – Pelas dores deste mundo ó Senhor (clique para ouvir)

5. Palavra de Deus: Vamos ler o relato da ressurreição de Jesus: Jo 20:1-18

Sugestão: cada pessoa lê um versículo.

6. Meditação: Deve ser feita de acordo com o costume do grupo ou comunidade/igreja.

7. Oração Comum: Ó Deus, Conduze-nos da morte para a vida, Da falsidade para a verdade que é caminho de justiça. Conduze-nos do desespero para a esperança, Do medo para a confiança. Conduze-nos do ódio para o amor, Da guerra para movimentos de paz, Das palavras que acalentam violência para aquelas que acalentam diálogo. Que tua paz preencha nossos corações e nos comprometa com a vida Com a vida em plenitude, individual e do planeta, Que nossos corações e nossas agendas sejam preenchidas Pela sua caridade e pela sua capacidade de sair de si para curar o mundo. Amém!

Depois da oração, enquanto se entoa um refrão meditativo ou um corinho, convida-se a todas as pessoas a juntarem suas fitas enquanto se dão o abraço e o beijo da paz.

8. Pai Nosso: Com as fitas amarradas entre si convida-se para o Pai Nosso: Que todas sejam UM para que o mundo creia e se comprometa:

Pai Nosso …

9. Ágape ou Santa Ceia/Eucaristia conforme o costume da Igreja.

10. Temos esperança – Pagura

Porque ele entrou no mundo e em nossa história Porque quebrou o silêncio e a agonia Porque mostrou na terra a sua glória Porque foi luz em nossa noite fria Porque nasceu em pobre estrebaria Porque viveu semeando amor e vida Porque partiu os corações mais duros E levantou os tristes e abatidos

Refrão: Por isso é que hoje temos esperança Por isso é que lutamos destemidos Por isso olhamos hoje com confiança Para o porvir dos povos oprimidos Por isso é que hoje temos esperança Por isso é que lutamos destemidos Por isso olhamos hoje com confiança Para o porvir

Porque atacou corruptos mercadores E denunciou maldade e hipocrisia Porque exaltou crianças e mulheres E condenou os que de orgulho ardiam Porque levou a cruz de nossas penas E saboreou o fel de nossos males Porque aceitou sofrer as nossas culpas E assim morrer por todos os humanos.

Refrão

Porque uma aurora viu sua vitória Sobre as mentiras, sobre a morte e o medo Já nada pode interromper sua história Nem a chegada de seu Reino eterno.

Refrão

Para ouvir: versão em espanhol (http://www.ciemal.org/arquivos/05_Tenemos_Esperanza.m4a)

11. Bênção: Todas as pessoas no círculo ou em seus bancos/cadeiras de pé de mãos dadas com as fitas, compartilhar uma palavra de Ressurreição para o mundo. Depois todas/os juntas/os:

Que o vento suave sopre sobre sua vida Trazendo sempre o aroma da paz; Que o fogo aqueça seu coração Deixando-o sempre pleno de ternura e compromisso; Que a palavra que sair dos teus lábios, E as que visitarem os seus ouvidos, Levam e tragam sempre O som e a força da libertação e de bênção!

12. Cada uma/um partilha o que trouxe para o lanche.