Bem-vindo ao CEBI! (51) 3568-2560 | [email protected]

Coragem para testemunhar esperança

Coragem para testemunhar esperança
6 de abril de 2018 CEBI Secretaria de Publicações
povo-sem-medo-esperanca

Meditação diária

Salmo 133; Daniel 2.1-23; Atos 4.23-31

Muitas vezes nós cristãos perdemos a coragem de testemunhar o amor de Deus, partilhamos conversas sobre todos os assuntos, mas quando se fala em religião, denominação, deixamos essa tarefa para os irmãos e irmãs evangélicas. Porém, é verdade que o mundo está sedento não de religião, ou denominações, há milhares no mundo inteiro. Mas de testemunho de coragem, de Fé, de profecia, de denúncia e anúncio, das boas novas, da salvação, o mundo está sedento de justiça (imparcial, por favor) e de compaixão.

Se hoje fôssemos desafiados a sair do nosso comodismo e ir para as ruas, certamente a palavra que se anunciaria seria esperança!

Esperança é acreditar que alguma coisa muito desejada vai acontecer. A esperança pode ser fundamentada (ou realística) ou baseada em alguma utopia, algo que dificilmente será alcançado.

Mas nós, pessoas cristãs, encontramos a esperança na confiança em Deus, Senhor da Criação e das nossas vidas, acreditamos que Deus continua enviando ao mundo lideranças para restaurar o mundo. Elas são os luzeiros que precisamos descobrir, especialmente neste anos que seremos bombardeados por políticos com falsas promessas.

Os cristãos na narrativa de Atos dos Apóstolos, mesmo sendo perseguidos, não deixam de testemunhar, a comunidade reconhece que a perseguição é a prova de que o testemunho deles é autêntico. Quem são os que são autênticos, quais as lideranças que nos representam na construção de um mundo melhor, de uma sociedade justa, de uma cidade onde reine a segurança e a paz?

“Todos, então, ficaram cheios do Espírito Santo, e, com coragem anunciavam a palavra de Deus.” (Atos 4.31)

Oremos para que o Senhor ilumine nossas mentes, renove a esperança no ser humano, e acabe com as nossas desesperanças.

Texto de Carmen Etel Alves Gomes, Porto Alegre/RS. Publicado no livro Sementes de Meditações Diárias: Compaixão e Justiça Social, por Igreja Episcopal Anglicana do Brasil e Diocese Meridional.

Foto de capa: MTST e Mídia Ninja.